Adeus Eli Marcelino

 
 
No começo da manhã,  a notícia – que não queremos dar, ouvir, pensar, escrever – chega como uma tragédia em Natal. E é.
O caos que parece atual sempre existiu e está mais perto de TODOS nós do que podemos imaginar. 

Vem de uma família querida, admirada, respeitada, uma presença constante e alegre na vida cotidiana da cidade de Macau.

O arquiteto Eli Marcelino nos deixa cheio de dor, luto e saudade.

Com o pensamento em Dona Magali, peço, que a fortaleza de Nossa Senhora da Conceição seja o alivio dessa enorme dor a toda família.

É só um breve Adeus, amigo!
 
BLOG CELSO AMANCIO

Um comentário:

Unknown disse...

Magali,Edinho, familiares e amigos, que Deus possa confortar a todos.
Conceição Almeida Bueno