Senadora Zenaide Maia cobra dinheiro para o enfrentamento da COVID-19 ao ministro Paulo Guedes.


O Ministério da Saúde ainda não pagou R$ 25,6 bilhões que seriam para o enfrentamento à pandemia, dos quais R$ 17,17 bilhões são transferências a estados e municípios e R$ 9,91 bilhões são aquisições diretas de insumos de saúde para distribuição à rede. Enquanto isso, há mais de 58 mil óbitos por Covid-19, fora a subnotificação. Nesta terça (30), em audiência com o ministro da economia, Paulo Guedes, a senadora Zenaide Maia (Pros-RN) perguntou a ele qual o motivo da retenção.
O ministro reconheceu que há “empoçamento”, disse que “os respiradores estão chegando”, mas não deixou claro de quem é a culpa pela baixa execução do orçamento de enfrentamento à pandemia. Zenaide assinou, junto a outros parlamentares, pedido para que o TCU acompanhe essa questão.
Na audiência, promovida pela Comissão do Congresso que acompanha as ações de combate à covid-19, parlamentares defenderam a prorrogação do auxílio emergencial, ideia defendida por Zenaide no PL 2928/2020.

Nenhum comentário: