Detran prorroga suspensão de parte dos serviços presenciais no RN

Medidas que valiam até o dia 12 foram prorrogadas até a próxima sexta-feira (19). Provas teóricas e práticas de habilitação são mantidas.

    
(Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi)


    O Departamento Estadual de Trânsito (Detran) do Rio Grande do Norte anunciou que vai prorrogar a suspensão parcial de alguns serviços com atendimento presencial desta segunda-feira (15) até a próxima sexta-feira (19).

A medida segue a portaria do governo sobre as medidas de prevenção à transmissão da Covid-19. Inicialmente, os serviços estavam suspensos até a última sexta-feira (12).

    Apesar das suspensões, parte dos atendimento continua acontecendo, como as provas teóricas e práticas de habilitação. Entre os serviços suspensos, estão a vistoria de veículos, transferência de veículos e registros de veículos novos.

No caso dos serviços suspensos, os agendamentos serão cancelados e o usuário deverá realizar uma nova marcação.

Serviços suspensos
Vistoria de veículos;
Abertura de processos de transferência de veículos;
Registro de veículos novos;
Prova Teórica Itinerante.
Exames de Aptidão Física e Mental e Avaliações Psicológicas nas Centrais do Cidadão e nos Grupos Executivos
Serviços mantidos
Renovação de CNH (Serviço on-line – Site Detran/RN);
Segunda via de CNH (Serviço on-line – Site Detran/RN);
Emissão de Permissão Internacional para Dirigir (PID) - (Serviço on-line – Site Detran/RN);
Emissão de CNH Definitiva (Serviço on-line – Site Detran/RN);
Prova Teórica de Habilitação (Presencial Unidades - Sede Natal e Mossoró);
Prova Prática de Habilitação (Presencial Unidades - Sede Natal e Mossoró);
Prova Prática Itinerante.
Exames de Aptidão Física e Mental (Presencial em Natal e Mossoró - Clínicas Credenciadas pelo Detran);
Avaliações Psicológicas (Presencial em Natal e Mossoró - Clínicas Credenciadas pelo Detran).
Liberação de Veículos Apreendidos (Presencial - Unidades - Sede Natal e Mossoró).
Manutenção Semafórica
Serviço de avaliação técnica e sinalização das rodovias estaduais.

Fonte: G1 RN



Nenhum comentário: