Senador do PT do RN afirmou na CPI da Covid que os crimes cometidos pelo Governo Federal não podem permanecer impunes

     Na CPI da Covid, perguntei ao ex-ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta sobre as ações do Ministério da Saúde no enfrentamento à pandemia. 

    Mandetta, que ocupou a pasta por 15 meses, sendo dois durante o início da crise epidemiológica, respondeu que dentre as ações imediatas, a falta de testagem e o atraso na adoção de políticas de isolamento social acabaram por intensificar os efeitos da pandemia.




    Ao ser demitido, o ministro já havia alertado ao presidente do tamanho da crise que iríamos ainda enfrentar, principalmente no estado do Amazonas. 

    Até o momento, a investigação da Comissão somente nos indica a gravidade da omissão e os crimes cometidos pelo Governo Federal, que não podem permanecer impunes porque já dizimaram a vida de mais de 400 mil brasileiros e brasileiras.


Fonte: Blog Alex Silva Assú


Nenhum comentário: